.Festas 2009 em Moita do Norte

........................................................................................ Estação de Caminhos de Ferro de Entroncamento

.As minhas fotos

Quarta-feira, 6 de Janeiro de 2010

Continuação

 

 Visto já terem passado as festividades natalícias vou recomeçar novamente a escrever:

 

Com o passar dos dias as saudades da terra começaram a surgir e com as condições que se dispunha a vontade de continuar cada vez eram menos até que me deu vontade de desistir da carreira, e ingressar noutra profissão, mas a chefia na altura lá me convenceu a ficar, optando afinal no seguimento.

 

Lá aprendi a descascar batatas, fazer um tacho de arroz, pois eram coisas que nunca tinha feito na vida, mas os ferroviários na altura assim tinham que fazer porque as condições assim o exigiam, e assim se passaram os 3 messes naquela estação.

 

Entretanto fui promovido a Factor de 3ª classe em 07 de Julho 1972 mas teria que ser transferido para outra estação e assim aconteceu no dia 21 de Agosto fiz a minha apresentação na estação de Crestins isto na mesma linha.
 
Isto quando acontecia eram outras dores de cabeça para o pessoal, eu não era excepção, visto que não se conheciam pessoas nem o lugar que se ia ocupar tinha que se começar tudo de novo, e assim foi.

 

 

 Numa próxima haverá mais noticias até.

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por maiacardoso às 21:05
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 23 de Dezembro de 2009

A minha chegada à Póvoa de Varzim

 

Brazão

 

Peço desculpa pelo atraso, mas sabem como é nesta época Natalícia o tempo não chega para tudo mas hoje lá arranjei um bocadito de tempo para continuar.

Decorria o ano de 1972 a quando do final de curso lá saíram as classificações como não podia deixar de ser, fui colocado lá bem para o Norte de Portugal em Póvoa de Varzim não sei se conhecem ? mas bonita é, sabia lá eu na altura onde ficava semelhante terra, para mim era como fosse emigrar para o estrangeiro.

Naquele tempo o transporte naquela linha era feito com máquinas a carvão, carruagens sem o mínimo de condições, lentos, não é como agora a 200 km hora é o progresso.

Lá me apresentei na referida estação cerca das 00 horas, triste, sozinho nunca me tinha visto em semelhante situação, nem mesmo quando fui para África em serviço militar : apresentei-me ao chefe em serviço, homem de poucas falas, carrancudo apenas me deu a chave do lugar onde seria o meu quarto apenas com um divã o qual já eu tinha feito o despacho dias antes, e um banco de madeira, era a mobília na altura.

Existia uma lâmpada de iluminação nem sequer uma tomada para ligar qualquer aparelho, pois as instruções do chefe era que não se podia gastar muita energia, mas mesmo assim com artimanhas consegui adaptar um sport-ladrão como se chamava na altura e conseguia fazer o café num fogão feito de tubo lusalite era assim o começo de uma longa vida ao serviço da C.P.

Continuarei a escrever mais sobre o assunto muito em breve, até lá Bom Natal e Feliz Ano Novo .

sinto-me:
publicado por maiacardoso às 18:52
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 4 de Dezembro de 2009

Fim de semana à porta

 

 

 

Como se aproxima o fim de semana e já não me apetece escrever mais nada só lá para 2ª feira é que continuo a escrever mais um pouco.

desejo a todos um bom fim de semana e bom feriado.

publicado por maiacardoso às 22:15
link do post | comentar | favorito
|

Inicio de carreira

Continuando a descrever o que me propus fazer, e como hoje a temperatura desceu lá me lembrou de continuar:

Decorria o ano de 1971, e depois de andar carregado de livros durante 6 meses, lá chegou o dia do exame final ( porque isto de tirar um curso na CP era a mesma coisa de tirar um na universidade ) com uma nota de 11.1 já não foi muito mau, houve pior, mas tinhamos de aproveitar apesar dos vencimentos serem muito maus, veja-se o meu 1º boletim de vencimento, e ainda por cima sujeito às estações que eram colocadas para serem preenchidas pelo pessoal neste meu caso a distãncia da minha residência foi cerca de 300 Km.

 

 

 

sinto-me:
publicado por maiacardoso às 22:05
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 1 de Dezembro de 2009

Crestins : Linha da Póvoa

 

 

 

Já não era sem tempo que começava a escrever algo de importante acerca deste blog, e como hoje é 2ª feira e o tempo também convida visto estar bastante frio, não apetece nada andar a passear dispus-me a começa-lo.

Mas atençao já podia estar mais adiantado na escrita mas sabem  como é quando as pessoas sabem pouco, esquecem-se dos rasqunhos e lá se vai todo o trabalhinho que se tem para mostrar, mas paciência estamos sempre a aprender.

Quero aqui demonstrar que ser chefe tem que ter certos requisitos e capacidade para chefiar a todos os níveis.

Decorria o ano de 1971, quando ingressei no Caminho de Ferro ( CP ) porque hoje já não sei como se chama são tantos os nomes que ouço e leio que não dá para perceber, mas uma coisa é certa os comboios andam sempre por mais nomes que lhe dêm.

 Depois do serviço militar obrigatório ( porque nunca gostei de ser voluntário ) lá comecei a estudar no Centro de Formação para a categoria de Factor ( categoria esta que era o fáz de tudo )

 

publicado por maiacardoso às 14:58
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 11 de Novembro de 2009

O Começo

 

 

 

É preciso calma porque estou agora a começar.
publicado por maiacardoso às 11:09
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Sempre a Horas

.links

.posts recentes

. Continuação

. A minha chegada à Póvoa d...

. Fim de semana à porta

. Inicio de carreira

. Crestins : Linha da Póvoa

. O Começo

.arquivos

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

blogs SAPO

.subscrever feeds